7 de outubro de 2011

Sombras da Alma...

Penumbra... onde semeias as tuas palavras, encadeadas, soltas, presas em nuvens de sabão. Voa, voa… nesse ímpeto de alcançar, alcançando-me por dentro, nessa tentativa de te prender na palma da mão. Bailando ao sabor dos luares, dos raios de sol morno do Outono, nesse lugar pequenino que se esconde por detrás do coração… caminhos agrestes, símbolos do passado preso, nessa gaiola chamada de tempo, onde morrem as aves, se calam os cantos dos pássaros e se silenciam os murmúrios dos regatos que me levam o oxigénio à boca. Sabores rendilhados engolidos pelas ondas dos dias navegados com sofreguidão e loucuras coloridas… guerra atroz e desenfreada entre o certo e o errado, como um portal aberto na eternidade, onde a salvação morreu à entrada, e a luz da escuridão invadiu o espaço sem permissão, consumindo todos os pedaços acetinados do presente da vida… onde te perdes nas emoções floridas, sopradas pelo silêncio difuso da alma, num soluçar lento da noite, aquela que te acompanha nos saltos mais sombrios da vida, num abandono real, numa presença cortante de uma dor sem fim… essa busca incessante de lapidar o diamante que habita em ti, cristal brilhante que apenas os teus olhos são capazes de ver, sentir… amar!

8 comentários:

BlueShell disse...

Onde tu te perdes...
Excelente texto...um blog riquíssimo.
Voltarei, por certo.
Bj

Magia da Inês disse...

♥ •˚。
°°Olá, amiga! 。♥。
● ♥• Fantástico!!! Que texto bonito!
˚。˚ Bom fim de semana!
♥ •˚。Beijinhos.
•˚。Brasil
..(░)(░)
(░)(♥)(░)
..(░)(░)

Evanir disse...

numa presença cortante de uma dor sem fim… essa busca incessante de lapidar o diamante que habita em ti, cristal brilhante que apenas os teus olhos são capazes de ver, sentir… amar!
Um texto tão lindo um dos mais belos lidos no dia de hoje.
Foi muita emoção ver tanta capacidade
de em uma só pessoa.
Um coração de estrema sensibilidade
e doçura.
Um carinhoso beijo.
Um feliz final de semana lindo Domingo.
Evanir

epee disse...

Uma crônica que atravessa a clausura da alma e flui na dimensão do sentimento que a liberta. Palavras! Prontas para serem lapidadas pelo melhor que há... os sentimentos.

¬
Boa semana, Moi.

Moi disse...

BlueShell,
Bem vinda! :)
Obrigado pelo elogio!

Beijos

Moi disse...

Inês,
Obrigado! :)


Beijinhos

Moi disse...

Evanir,
Obrigado! Fiquei até sem jeito para as tuas palavras.


Beijos

Moi disse...

epee,
Como sempre, os teus comentários dizem sempre tanto, em poucas palavras. A alma encerra de facto um diamante em bruto por lapidar... pelos sentimentos, em forma de palavras, gestos...



Beijocas :))