17 de janeiro de 2013

Apenas e só instantes...


Foram segundos, minutos, horas, dias, meses de espera imaginada, sôfrega, ansiada pelo encontro da alma que lhe enchia as mãos de esperança, lhe sufocava o corpo faminto de sensações desnorteadas da loucura, do desejo inerte e adormecido dentro do peito. Foram tantos os cenários construídos na ilusão do sonho de um dia… rios infindos de quereres, danças invisíveis projectadas nos olhares que se enamoraram de cada vez que timidamente se encontravam, abraços fortes enlaçados pelos sorrisos que se desprendiam quando os dedos se tocavam levemente… foram tantos os momentos desejados que engoliram o tempo, e o fizeram parar naquela noite, debaixo do candeeiro, na esquina arredondada do caminho ainda por percorrer. O nevoeiro cerrado entrou pelas ruas fora, o manto de estrelas aconchegava a lua redonda, e os espantou para dentro de quatro paredes onde dançaram ao ritmo apressado dos corações que pareciam explodir e saltar pelas bocas sequiosas de matar o desejo. Eram corpos enrolados pelas línguas que se provavam e devoraram no instante que se tocaram, e não mais se quiseram largar. Foram instantes de loucura partilhada num abraço, um beijo, um afago, um sorriso, um piscar de olhos trocado entre ambos… Pelo chão, acompanhando as peças de roupa largadas, ficaram as gotas de prazer que escorreram pelos dedos exploradores da pele emudecida, nua e despida pela luxúria, despojada de pudores, e empregnada dos líquidos misturados em sabores doces e salgados, derramados nos lençóis cúmplices e testemunhas do crime cometido Foram longos os segundos que hipnotizaram os corpos fundidos num só, presos num olhar penetrante até às entranhas estremecidas pelo odor ousado com que as curvas se encaixavam e gemiam em gotas de suor sussurado, conduzindo ao êxtase final, na tentativa de ficarem entrelaçados para toda a eternidade... foram apenas e só uma paragem no tempo....

6 comentários:

Water disse...

Es deliciosa :)

A Palavra Mágica disse...

Lindo Moi,

Lindíssima descrição de um momento de amor.

Beijos!
Alcides

Malu Silva disse...

Instantes muito bem descritos em sentimentos e sensibilidades como lhe é peculiar.
Um grande abraço, minha amiga.
Deleito-me sempre que passo por aqui!!!

Moi disse...

Water,
:))

Moi disse...

Alcides,
O amor inspira...






Beijos para esse lado do oceano

Moi disse...

Malu,
Abracinho meu em ti, sempre passando por aqui e deixando belas palavras de elogio aos meus escritos.







Beijo grande